• Daniel Santa Cruz

O engajamento ajuda na inovação?

Entenda se o engajamento dos funcionários pode influenciar positivamente os processos de inovação nas empresas

É perceptível o quanto um funcionário feliz consegue aumentar e melhorar a sua produtividade quando comparado a um colaborador que não está tão satisfeito com as suas atividades e, principalmente, com a companhia na qual atua. Mas será que o engajamento ajuda nos processos de inovação dentro da empresa? Será que o espírito intraempreendedor é influenciado pelo engajamento?

Nós, da Santo Caos, acreditamos que um alto engajamento ajuda na inovação. Portanto, as organizações que desejam ver seus colaboradores empenhados em criar novos produtos ou serviços, desenvolver processos de trabalho mais eficientes e transformar desafios em soluções, devem se empenhar na construção de cinco pilares: conscientização, compromisso, pertencimento, orgulho e compartilhamento.

Entenda melhor cada um deles:

  1. O engajamento ajuda na inovação? Trabalhe a conscientização.

Deixe bem claro para os seus funcionários o porquê de cada ação da empresa – principalmente aquelas em que eles estão diretamente envolvidos. Assim, todos ficarão na “mesma página” e se sentirão mais motivados a realizar cada tarefa com o máximo de qualidade possível e a propor inovações dentro de seus setores, e até mesmo para a própria empresa como um todo.

  1. O engajamento ajuda na inovação? Trabalhe o compromisso.

Quando o funcionário está verdadeiramente envolvido com os projetos, as chances de ele inovar são muito maiores. Para isso, escute o colaborador e mostre como as ideias e as propostas dele são importantes para a empresa. Dê feedbacks sobre estas sugestões e deixe claro que elas serão levadas em consideração e, eventualmente, poderão ser implementadas. Esta ação será um grande incentivo para que ele se engaje ainda mais nos projetos e pense em inovações.

  1. O engajamento ajuda na inovação? Trabalhe o pertencimento.

Quando um funcionário percebe que é ouvido e pode ter voz ativa dentro dos projetos da empresa, ele se sente como parte de um todo. Isso é um passo importantíssimo para que ele se engaje ainda mais em suas atividades e proponha inovações e/ou coopere com as ações de inovação implementadas.

O pertencimento também pode estar na identificação dos valores pessoais do colaborador com os valores da empresa, ou então quando ele sente que está inserido numa equipe que colabora e coopera. Assim, estes também são dois aspectos que podem ser observados e trabalhados.

  1. O engajamento ajuda na inovação? Trabalhe o orgulho.

Reconheça as boas entregas e os bons resultados do colaborador e mostre a ele que ele faz parte de algo maior. Isso encherá o funcionário de orgulho e o incentivará a pensar e a sugerir ideias inovadoras, uma vez que elas terão a chance de serem reconhecidas e acatadas.

  1. O engajamento ajuda na inovação? Trabalhe o compartilhamento.

O compartilhamento é uma consequência da edificação dos quatro pontos citados até agora, e leva o colaborador a alcançar um alto índice de engajamento e a extrapolar a relação básica de funcionário-empregador. Na prática, isto significa que mais que um colaborador, o talento se torna um recrutador, um consumidor e um embaixador da própria empresa. Ele realmente “veste a camisa” da companhia e, consequentemente, aumenta o seu potencial de inovação.

Você acredita que o engajamento ajuda na inovação dentro de sua empresa? Conte para a gente no campo de comentário.

VEJA TAMBÉM EM NOSSO BLOG

Como medir o engajamento dos funcionários?

Como criar lideranças inspiradoras para o engajamento de funcionários?

4 ideias para aumentar o engajamento de funcionários

4 consequências da falta de inovação no RH

Compartilhe isso:

  1. Clique para compartilhar no LinkedIn(abre em nova janela)

  2. Clique para compartilhar no Facebook(abre em nova janela)

  3. Clique para compartilhar no Twitter(abre em nova janela)

  4. Clique para compartilhar no WhatsApp(abre em nova janela)

2 visualizações

©2020 por Santo Caos.