• Daniel Santa Cruz

Como recrutar pessoas trans?

Sua empresa deseja recrutar pessoas trans? Dê uma olhada em nossas dicas e prepare-se para este processo.

Como já citamos algumas vezes aqui no Blog Santo Caos, é de extrema importância que as empresas tenham em mente que a diversidade no quadro de funcionários é um fator que traz muitos benefícios. Por isso, neste artigo, daremos algumas dicas de como recrutar pessoas trans.

Lembre-se que recrutar pessoas trans não deve ser uma ação apenas para cumprir algum tipo de cota especial. A organização tem que compreender a real importância de ter estes talentos no quadro de funcionários da empresa e estar disposta a realizar uma inclusão efetiva destes profissionais.

Agora, acompanhe as dicas de como recrutar pessoas trans!

1. Prepare o público interno para receber estes profissionais.

Não existe coisa pior para um novo funcionário do que não se sentir bem dentro da empresa, não é mesmo? Para evitar isso ao recrutar pessoas trans, é crucial preparar os funcionários para recebê-las, apresentando para eles informações relevantes sobre a transexualidade. Transmita estes conhecimentos de maneira assertiva e clara, investindo em palestras, cursos ou até mesmo em um bate-papo informal com profissionais qualificados para tratar do assunto.

2. Recrute pessoas trans no local correto.

Atualmente, existem empresas focadas em recrutar pessoas trans. Um bom exemplo é o site Transempregos, desenvolvido para fazer a “ponte” entre empregadores e talentos trans. Certamente, contar com o apoio de especialistas facilitará muito este processo para a sua empresa.

3. Mostre que sua empresa está verdadeiramente aberta à diversidade.

Ao decidir recrutar pessoas trans é importante estar ciente de que a ação não se encerra na seleção. A empresa que realmente está realmente aberta à diversidade e deseja ser efetivamente inclusiva, deve estar focada em criar um ambiente organizacional acolhedor, mostrando-se engajada em reter estes profissionais.

Por isso, ao recrutar pessoas trans, é importante estar atenta aos seguintes pontos:

●       Recrutamento e seleção: esta modalidade de admissão pode gerar muitas dúvidas no RH. Por isso, contar com o apoio de empresas especializadas em recrutar pessoas trans é bastante recomendado.

●       Treinamento: como qualquer colaborador, a pessoa trans precisa ter a chance de se desenvolver dentro da companhia. Portanto, ofereça esta oportunidade.

●       Integração: a pessoa trans precisa se sentir parte da organização, não sendo tratada apenas como um número para cumprir uma cota. Assim, a integração também merece muita atenção. Quanto mais efetivo for este processo, melhor será o relacionamento deste funcionário com a marca empregadora e com seus colegas de trabalho, e maior será a motivação dele ao realizar suas atividades. Isto representa altas nos índices de engajamento do colaborador com a empresa e, certamente, um saldo positivo no desempenho do talento e nos resultados da companhia.

Recrutar pessoas trans é uma pauta em sua empresa? Sua companhia já realiza este processo? Conte para a gente aqui no campo de comentários!

VEJA TAMBÉM EM NOSSO BLOG

Como mostrar para a liderança a importância da diversidade?

Indicadores de RH: o que são e como usar?

4 ideias inovadoras para o RH

Inclusão Racial: O que as empresas podem fazer para mudar o status quo

Compartilhe isso:

  1. Clique para compartilhar no LinkedIn(abre em nova janela)

  2. Clique para compartilhar no Facebook(abre em nova janela)

  3. Clique para compartilhar no Twitter(abre em nova janela)

  4. Clique para compartilhar no WhatsApp(abre em nova janela)

1 visualização

Posts recentes

Ver tudo

©2020 por Santo Caos.