• Daniel Santa Cruz

Agência de comunicação interna ou consultoria de comunicação interna: qual contratar?

Entenda as diferenças e propósitos de cada tipo de serviço e qual é o mais adequado às demandas da sua empresa.

No mundo corporativo, a comunicação interna é a ferramenta ideal para a companhia compartilhar mensagens destinadas a informar, motivar e conectar o seu time. Inclusive, aqui no blog, já falamos da relação entre comunicação interna e engajamento.

Cada dia mais, ela vem ganhando outros espaços e ultrapassando as fronteiras da empresa. Por meio das redes sociais, vídeos, fotos e relatos que viralizam em um clique, muitos assuntos que antes eram restritos ao público interno das organizações, agora impactam outras pessoas. Isso tem influência direta na imagem externa da empresa. Por isso, muitos profissionais e estudiosos da área, acreditam que o termo mais adequado hoje seja comunicação com empregados.

Diante de um elemento tão importante quanto esse, a tarefa de escolher entre contratar agência ou consultoria para assumir a comunicação interna da organização merece atenção redobrada.

Qual delas é melhor? Isso é o que vamos descobrir nesse artigo.

AGÊNCIA DE COMUNICAÇÃO INTERNA E CONSULTORIA DE COMUNICAÇÃO INTERNA: O QUE SÃO?

Para ajudar a decidir entre contratar agência ou consultoria, vamos começar entendendo um pouco melhor o que são cada uma delas.

A agência de comunicação interna é responsável por planejar e executar campanhas e ações que visam um diálogo mais efetivo e um melhor relacionamento entre os colaboradores e a organização. Em alguns casos, a agência também pode ter apenas um papel mais operacional, isto é – a empresa desenvolve o planejamento internamente e conta com o apoio do serviço terceirizado na execução das atividades.

Já a consultoria de comunicação interna tem uma forte atuação no diagnóstico e no levantamento de problemas de comunicação interna. É a partir da compilação e da análise de dados que ela é capaz de propor soluções e abordagens estratégicas. Além disso, ela tem um importante foco em descobrir e se aprofundar em quem é o colaborador e, como ele percebe e processa informações. Assim, a consultoria consegue realizar um planejamento com ações muito mais assertivas, porque a investigação do público-alvo é mais minuciosa e verticalizada.

PONTOS A CONSIDERAR NA HORA DE CONTRATAR AGÊNCIA OU CONSULTORIA DE COMUNICAÇÃO INTERNA

Ao pensar em escolher entre contratar agência ou consultoria de comunicação interna, o primeiro ponto a se pensar é: melhor contar com uma equipe interna, que vive o ambiente da empresa todos os dias, ou é mais eficaz contratar especialistas externos, que trarão um olhar de fora e novas perspectivas sobre a organização?

Se a sua resposta é a segunda opção, aí sim é hora de pensar sobre os benefícios de ter uma agência ou uma consultoria. Um ponto em comum entre elas é o “frescor” que um olhar externo pode trazer. Ambas, no geral, têm uma visão mais livre dos vícios, julgamentos e vieses inconscientes comuns entre pessoas que fazem parte da organização.

Talvez a diferença crucial entre uma agência e uma consultoria seja o trabalho prévio, realizado antes do desenvolvimento e da execução de um planejamento de comunicação interna. Normalmente, a investigação que uma consultoria como a Santo Caos faz é muito mais detalhada. Ela realmente mergulha no universo da empresa, compreende seus colaboradores, líderes, cultura organizacional e desafios. O resultado disso é a elaboração de campanhas muito mais assertivas, respondendo às necessidades específicas da empresa atendida.

Vejamos um exemplo: é muito comum que uma agência de comunicação interna tenha como ponto de contato com a empresa contratante apenas uma pessoa ou um departamento. Este colaborador ou área é responsável por transmitir quais são os obstáculos de comunicação a serem vencidos. É a partir desse olhar que a agência cria e executa as ações.

Esse cenário seria bem pouco provável ao contratar uma consultoria, pois uma das bases de sua atuação é entender o cliente por diversas interfaces, fazendo um mapeamento bem completo, procurando assim compreender as diferentes percepções e sensações sobre um mesmo aspecto.

Outro ponto que, no geral, as consultorias de comunicação interna vão mais a fundo que as agências é na análise dos públicos na busca de estabelecer os canais, o tom de voz e os conteúdos mais coerentes para as pessoas da organização.

O que achou do nosso artigo? Já sabe se para a sua empresa é melhor contratar uma agência ou consultoria de comunicação interna? Deixe nos comentários sua opinião.

VEJA TAMBÉM EM NOSSO BLOG

Comunicação interna: quais as ações realmente efetivas para engajar os funcionários?

Consultoria de RH: o que é e quando usar?

Como não perder a cultura da empresa durante uma fusão?

Compartilhe isso:

  1. Clique para compartilhar no LinkedIn(abre em nova janela)

  2. Clique para compartilhar no Facebook(abre em nova janela)

  3. Clique para compartilhar no Twitter(abre em nova janela)

  4. Clique para compartilhar no WhatsApp(abre em nova janela)

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

©2020 por Santo Caos.