• Daniel Santa Cruz

4 consequências da falta de inovação no RH

Um dos setores mais estratégicos da sua empresa não pode ficar para trás em inovação no RH

O setor de RH é um dos mais estratégicos dentro de uma empresa e, por isso, dos mais importantes. Talvez, justamente por esta importância, muitos gestores temem empreender inovações que possam colocar a área “em risco”. Mas, muito ao contrário desta crença, a inovação do RH tem trazido inúmeros benefícios para as corporações, tornando-se tema de pesquisas constantes no setor.

A seguir, vamos explanar sobre 4 consequências da falta da inovação no RH:

1.Perder oportunidades de alcançar melhores resultados

Ficar preso aos processos tradicionais do setor de RH pode impedir que uma organização alcance melhores resultados. Algumas atividades, como o controle de KPIs ou realização de pesquisas de clima organizacional, já oferecem métodos menos engessados e/ou burocratizados e muito mais eficientes de execução, que devem ser explorados. É fundamental lembrar que um RH pouco produtivo pode afetar uma empresa como um todo, reduzindo a competitividade e provocando a perda de talentos e o desperdício de importantes oportunidades de crescimento para a companhia.

2.Deixar o potencial estratégico do RH na gaveta

Já falamos um pouco disso, mas vamos reforçar: a inovação no RH pode evitar que esta área fique extremamente ou tão somente burocrática, contribuindo para a preservação de sua função estratégica dentro da organização. Afinal, este setor é um dos responsáveis pelo crescimento da empresa e de sua competitividade no mercado.

3.Não aproveitar oportunidades de contratar serviços mais eficazes e menos custosos

Muitas vezes, as organizações se fixam em alguns fornecedores e deixam de conhecer outros, que poderiam apresentar soluções mais eficazes e menos custosas. Esta certamente é mais uma das mais prejudiciais consequências da falta de inovação no RH para as companhias.

Há um número cada vez maior de empresas e startups no mercado que se especializam na execução de determinadas atividades do RH, principalmente nas funções mais burocráticas. A terceirização destas tarefas permite que o setor otimize o seu tempo e se concentre em ações estratégicas para a própria área e para a organização.

4.Alcançar menos efetividade nas ações de comunicação interna

A comunicação interna das organizações, muitas vezes gerida pelo departamento de RH das empresas, tem enfrentado grandes desafios. O comportamento cada vez mais dinâmico e “conectado” das pessoas, exige novas estratégias e ações para atingir e engajar o público-alvo. Assim, a falta de inovação no RH, que muitas vezes fica preso às “velhas metodologias”, pode afetar a efetividade da comunicação com os colaboradores. A queda do engajamento dos funcionários é um dos mais negativos resultados disso.

Gostou de nosso artigo sobre as consequências da falta de inovação no RH? Conte-nos como você tem promovido inovações em sua organização e quais os benefícios disso para a empresa. Deixe sua mensagem no campo de comentários.

VEJA TAMBÉM EM NOSSO BLOG

Questionário de clima organizacional: como fazer?

5 dicas para melhorar seu planejamento estratégico de RH

Indicadores de RH: 4 dicas para melhorar o desempenho da sua empresa

Compartilhe isso:

  1. Clique para compartilhar no LinkedIn(abre em nova janela)

  2. Clique para compartilhar no Facebook(abre em nova janela)

  3. Clique para compartilhar no Twitter(abre em nova janela)

  4. Clique para compartilhar no WhatsApp(abre em nova janela)

0 visualização

©2020 por Santo Caos.